Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2017

Quarto dia - Vinícola Salton e Faria Lemos

Continuando a nossa viagem, o sábado amanheceu sem chuva. Isto me trouxe um certo alívio pois, no domingo, teríamos uma programação diferente mas que seria impossibilitada caso a chuva não desse uma trégua. Nossa programação para a manhã de sábado seria na vinícola Salton, em um roteiro especial que incluía a visitação seguida de uma degustação harmonizada de espumantes.
  A vinícola é muito grande e a visitação é feita por passarelas de metal que percorrem toda a área de produção, nos dando uma visão panorâmica de toda a vinícola. Além disso, também visitamos as caves subterrâneas e o guia nos explicou o passo a passo da produção e do armazenamento, além de nos contar a história da vinícola na Galeria dos 100 anos, onde são retratados os 100 primeiros anos de trajetória da família e da vinícola.






  Para a degustação harmonizada, foram selecionados sete espumantes. Iniciamos com um Salton Brut Prosecco 2017, um espumante leve, com aromas e sabores cítricos e ótima acidez, harmonizado…

Terceiro dia - Flores da Cunha e Fenachamp

Dando continuidade ao diário de viagem, na sexta-feira fomos a Flores da Cunha. Como a cidade fica a 60 km de distância de Bento Gonçalves, contratamos um motorista da agência de turismo que fica no saguão do nosso hotel para nos levar até lá. O dia amanheceu nublado mas bem menos chuvoso que os dias anteriores.
  A primeira vinícola que visitamos foi a Viapiana. Fomos muito bem recepcionados e conduzidos por suas instalações. Conhecemos a área de produção, rotulagem e suas caves e depois fomos conduzidos, é claro, para a degustação. Foram cinco rótulos degustados, sendo um espumante, seguido por um vinho branco e três tintos. O que mais me chamou a atenção foi o Viapiana Expressões Marselan 2013, com os seus aromas de frutas negras, couro e carne defumada. É um vinho de bom corpo e acidez, taninos macios e sabores frutados com notas de tostado e couro. Tive que trazer uma garrafa pra casa.





  Seguimos para a vinícola das garrafas lindas, a Luiz Argenta. Tenho verdadeira paixão pelo …

Segundo dia - Vinícola Aurora e Pinto Bandeira

A quinta-feira iniciou com chuva torrencial. Como era feriado, a vinícola Aurora tinha programado uma visitação diferenciada, de duas horas de duração, com um mini curso de degustação ao final. Um detalhe interessante é que era sem custo algum. Fiz o agendamento quando estava montando o roteiro e, como a Aurora está localizada no Centro de Bento Gonçalves, próxima ao hotel, contratamos um motorista, através da agência de turismo que funciona no saguão do próprio hotel, para nos levar na parte da tarde a Pinto Bandeira. A própria agência cuidou do agendamento nas vinícolas.
  Saímos debaixo de um temporal para o nosso compromisso na Aurora. Como sempre, chegamos mais cedo e, rapidamente, fomos recepcionados pelo enólogo Willian e conduzidos a uma sala de palestras, para assistir a um vídeo sobre a vinícola e a criação da cooperativa, enquanto aguardávamos os demais participantes. Para a nossa surpresa, por causa da chuva forte, apenas mais uma pessoa compareceu e a nossa visitação fo…

Primeiro Dia de Viagem - Garibaldi

Continuando o diário da viagem, chegamos a Bento Gonçalves na terça, dia 10 de outubro, já no início da noite. Depois de um dia inteiro entre aeroportos, avião e estrada, pois o voo nos leva até Porto Alegre que fica a 122 km de Bento Gonçalves, só tivemos ânimo para sair para comer alguma coisa e voltamos para o hotel. O roteiro que tínhamos pela frente seria intenso.
  A primeira vinícola a visitar seria a Adolfo Lona. Conheci o mestre Lona no início do ano em uma degustação promovida por uma grande loja de vinhos aqui de BH e, na oportunidade, comentei da minha intenção de ir ao Sul e da vontade de conhecer a sua vinícola. Ele, muito simpático, se mostrou receptivo. Quando comecei a planejar o roteiro, descobri que a Adolfo Lona não incluía roteiros de visitação. Mandei um e-mail para a vinícola me identificando e falando a data da viagem e reafirmando a minha vontade de visitá-los. O próprio mestre me respondeu e marcamos a data. Era uma quarta-feira chuvosa e, mineiros como som…

Diário de Viagem

No mês de outubro, eu e meu marido fizemos uma viagem até o Rio Grande do Sul com o objetivo de visitar vinícolas. Eu tinha passado vários meses dedicada aos estudos para prestar o exame do WSET 3 e, após a prova, me recompensei estudando mais um pouco in loco. Enófilo em estágio avançado é assim mesmo. Não temos limites para a paixão!
  Quando comecei a planejar a viagem, percebi a carência de pacotes de enoturismo. São oferecidas poucas opções e todas muito caras. Resolvi eu mesma traçar o roteiro. Recebi várias dicas valiosas de uma amiga que está se formando para guia de turismo e também é amante dos vinhos, comecei a pesquisar nos sites, mandei e-mails e tracei um roteiro de uma semana. Foram dias de pesquisas, contato com vinícolas, remanejamento de datas no roteiro de acordo com a disponibilidade para visitação e datas de eventos mas, no final, acho que me saí muito bem.
  Ficamos hospedados em Bento Gonçalves e de lá fomos a Garibaldi, Pinto Bandeira, Flores da Cunha e, é cl…

Poesia na Parede

"O VINHO CORROMPE A AMPULHETA HISTÉRICA DA VIDA EM SUA MAGNÍFICA E PERTUBADORA DUALIDADE:
É SACRO E HERÉTICO,
SERENO E DEVASTADOR,
SANGUE E ALIMENTO,
LETÁRGICO E DANÇANTE,
COMEÇO E FIM...
BEBAMOS UMA TAÇA CHEIA DE VINHO AO CLARÃO DO LUAR POIS, COMO DIRIA KAYYAM, TALVEZ AMANHÃ A LUA ME PROCURE EM VÃO..."

  Assistindo a um documentário sobre vinícolas brasileiras, me deparei com esta bela imagem e a curiosidade em saber o que estava escrito nesta parede me fez voltar a cena e tirar um print da tela. Durante muito tempo usei essa imagem como foto de capa em uma rede social e achei interessante usá-la no primeiro post do meu blog.  No meu ponto de vista, o texto descreve o vinho muito bem e é tão poético quanto ele!
  Mas porque um blog de vinho? Desde cedo a bebida de Baco me encantou mas, quando resolvi começar a estudar sobre o assunto, me apaixonei! É um universo tão extenso, com tantas nuances e escolhas! São as uvas, o local, o clima, o solo, a maneira de se plantar, as es…